27
Jan 11

Sem Título II

 

Sim já gostei de ti... já te amei um dia.

Um dia diferente de todos os outros

Comum a todos os outros em que sorria

Igual a todos aqueles que chorava e os

 

Suspiros calados num grito de esperança

Fluíam numa dança louca de paixão

Insana e insultuosamente saudável temperança

Que me dás asas que me roubas e dás o coração

 

Lança a lança da minha dor tão grande

Baila na vida dos que mais te temem

Não há dor que não passe nem mal que não ande

Na vida amargurada e feliz dos que cedem

publicado por ladonortedalua às 23:04

1 comentário:
Belíssima poesia a tua... Gostei muito de te ler.
Parabéns
Bjs e boa semana
Antero a 29 de Janeiro de 2011 às 18:12

Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
28
29

30
31


arquivos
2011

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO